Análise de Produtos e Linguagens da Cultura Mediática

Reúne pesquisadores que têm por objeto o exame, a elaboração e/ou a aplicação de metodologias para: a) análise de configurações expressivas (obras,produtos,linguagens) da cultura e da comunicação mediáticas; b) a análise da interpretação de tais configurações expressivas pela recepção.

Claudiane Oliveira Carvalho Sampaio

Doutora pelo programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas (PÓSCOM – UFBA), onde também realizou o Mestrado. Formada em Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, pela Universidade Federal da Bahia. É professora colaboradora do PÓSCOM e da Especialização em Comunicação Estratégica e Gestão de Marca, da FACOM/UFBA. Pesquisadora do Centro de Estudos e Pesquisa em Análise do Discurso (CEPAD – UFBA), na condição de pós-doutoranda do CNPq. Áreas de pesquisa: Comunicação com ênfase em Análise do Discurso, Narratividade, Teorias do Jornalismo e da Comunicação nos seguintes temas: discursos e mídia, narrativa, enunciação jornalística e mediatização .

Edson Fernando Dalmonte

Doutor em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia, mestre em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo. Docente da Faculdade de Comunicação (UFBA). Pesquisador do CNPQ. Áreas de pesquisa: Webjornalismo, Contrato de comunicação, Teorias da comunicação, Análise do discurso, Comunicação e Ética.

Giovandro Ferreira

Doutor e mestre em Ciências da Informação Medias, no Institut Français de Presse et Communication (Université Paris 2 Panthéon-Assas). Docente da Faculdade de Comunicação (UFBA). Pesquisador do CNPq. Áreas de pesquisa: Teorias da Comunicação, Teorias do Jornalismo e Análise do Discurso, história dos paradigmas da comunicação, história dos paradigmas do jornalismo.

Guilherme Maia de Jesus

Doutor em Comunicação e Cultura Contemporâneas (UFBA). Mestre em Música pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. Docente da Faculdade de Comunicação (UFBA). Áreas de pesquisa: Artes e Comunicação, com ênfase em teoria, criação, história e análise de produtos musicais e audiovisuais.

Itania Gomes

Doutora e mestre em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia. Pós-doutorado, na Université Sorbonne-Nouvelle (Paris III). Pesquisadora do CNPq (1B). Docente da Faculdade de Comunicação (UFBa). Áreas de pesquisa: análise de telejornalismo, Cultural Studies, Estudos de Recepção, Teorias da Comunicação e Teorias do Jornalismo.

José Francisco Serafim

Mestre em cinema documentário (antropológico) pela Universidade Paris X, Nanterre. Doutor em cinema documentário (antropológico) pela Universidade Paris X, Nanterre, mestre em Instituição, trabalho e educação na École des Hautes Études en Sciences Sociales. Docente da Faculdade de Comunicação (UFBA). Áreas de pesquisa: Artes, antropologia fílmica, cinema documentário, análise fímica.

Jorge Cardoso Filho

Doutor em Comunicação pela Universidade Federal de Minas Gerais. Mestre em Comunicação e Cultura Contemporâneas (UFBA). Estágio doutoral na Goethe-Universität Frankfurt am Main. Docente do Centro de Artes, Humanidade e Letras na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia. Áreas de pesquisa: Música, Estética da Comunicação e Crítica Cultural.

Juliana Freire Gutmann

Doutora e mestre em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia. Bolsista pelo Programa Nacional de Pós-Doutorado (CNPq). Áreas de pesquisa: estudos culturais e semiótica, com ênfase em história da televisão, linguagem audiovisual, teorias do jornalismo, cultura pop e metodologias de pesquisa em comunicação.

Lia Seixas

Doutora e mestre em Comunicação e Cultura Contemporânea. Docente da Faculdade de Comunicação (UFBA). Áreas de pesquisa: teorias do jornalismo, gêneros jornalísticos, narrrativa jornalística, jornalismo impresso, jornalismo digital, análise do discurso e pragmática da comunicação.

Ludmila Moreira Macedo de Carvalho

Professora Adjunta do Centro de Cultura, Linguagens e Tecnologias da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB). Possui doutorado em Estudos Cinematográficos pela Université de Montreal – Canadá (2009), mestrado em Comunicação e Cultura Contemporâneas pela Universidade Federal da Bahia (2004) e graduação em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo também pela UFBA (2002). Atua nos grupos de pesquisa Laboratório de Análise Fílmica e Laboratório de Análise de Televisão do POSCOM/UFBA. É editora da Contemporânea-Revista de Comunicação e Cultura do Poscom/UFBA. Possui experiência na área de Comunicação, com ênfase em Cinema, atuando principalmente nos seguintes temas: análise fílmica, ficção seriada e televisão, cinemas asiáticos e narrativas audiovisuais.

Maria Carmem Jacob de Souza

Doutora em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense. Docente da Faculdade de Comunicação (UFBA). Áreas de pesquisa: sociologia da cultura, campo da teledramaturgia e da telenovela, poética e autoria em ficções seriadas televisivas.

Regina Gomes

Doutora em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa, mestre em Comunicação e Cultura Contemporânea pela Universidade Federal da Bahia. Pós- doutorado na área de Crítica de TV no Programa de Pós-graduação em Comunicação e Cultura Contemporâneas (UFBA). Docente da Faculdade de Comunicação (UFBA). Áreas de pesquisa: estudos de crítica (cinema e tv), recepção, retórica da crítica, análise fílmica, estética do audiovisual.

 

Sandra Straccialano Coelho

Doutora em Comunicação e Cultura Contemporâneas (Póscom/UFBa). Possui bacharelado (Letras) e mestrado (Multimeios) pela Universidade Estadual de Campinas. Tem experiência nas áreas de Cinema e Literatura, com ênfase em Cinema documentário, Antropologia fílmica, narrativas autobiográficas, interface entre Cinema e migrações, Autoria e Análise fílmica.Membro do Laboratório de Análise Fílmica (LAF/Póscom) e do comitê editorial da Contemporanea – Revista de Comunicação e Cultura. É investigadora associada ao Centro de Estudos das migrações e das relações interculturais da Universidade Aberta de Lisboa (CEMRI/UAB), onde iniciou pesquisa sobre a interface entre cinema documentário autobiográfico e migrações.